Reflexões

//subscrever feeds

Posts

Terça-feira, 06 de Novembro de 2007
Tenho observado que alguns pais caem em dois extremos; deixam seus filhos à vontade, fazendo o que querem ou então são muito duros e reprimem os filhos.

Encontrei este poema que nos faz refletir seriamente:

A criança que é sempre criticada,
Aprende a condenar.

A criança que é sempre hostilizada,
Aprende a agredir.

A criança que é sempre ridicularizada,
Aprende a ser tímida.

A criança que é sempre envergonhada,
Aprende a sentir culpa.

A criança tratada com tolerância,
Aprende a ser paciente.

A criança que é encorajada,
Aprende a ser confiante.

A criança que é elogiada,
Aprende a apreciar.

A criança que recebe um tratamento imparcial,
Aprende a ser justa.

A criança que vive com segurança,
Aprende a ter fé.

A criança que é aprovada,
Aprende a gostar de si mesma.

A criança que vive em meio à aceitação e amizade,
Aprende a descobrir o amor no mundo.

Doroth Law Nolte.
publicado por Rosângela às 20:37

De
  (moderado)
Nome

Url

Email

Guardar Dados?

Este Blog tem comentários moderados

(moderado)
Ainda não tem um Blog no SAPO? Crie já um. É grátis.

Comentário

Máximo de 4300 caracteres



Copiar caracteres

 



O dono deste Blog optou por gravar os IPs de quem comenta os seus posts.