Reflexões

Perfil

//mais sobre mim

Arquivo

//pesquisar
 
//Julho 2008
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5

6
7
8
9
10
11
12

13
14
15
16
17
18
19

20
21
22
23
24

28
29
30
31


//comentários recentes
muito bom!
Que linda é sua filha! Tomara que vc logo mate sau...
Nossa Ro eu tambem fico tao tocada quando vejo o p...
ooiiiee Guerreira. Deus Abençoe!Jesus O Pão da vid...
Olá, bom dia,vim lhe retribuir a visita e o coment...
Realmente. a natureza é algo maravilhoso de Deus!a...
MARANATA!!!!!DEUS ABENÇOEEE!
Poxa, sem palavras...PRECISO DE FOME!!!q nunca tiv...
Eu quero as chuvas de Deus na minha vida e vou con...
É realmente não há amor maior que o do Pai dos Pai...
//arquivos
2012:

 J F M A M J J A S O N D


2011:

 J F M A M J J A S O N D


2010:

 J F M A M J J A S O N D


2009:

 J F M A M J J A S O N D


2008:

 J F M A M J J A S O N D


2007:

 J F M A M J J A S O N D


//favorito
//subscrever feeds

blogs SAPO


Universidade de Aveiro

Posts

Domingo, 27 de Julho de 2008

 

 

Se para muitos a notícia do garoto Gabriel Alexandre da Silva, de 11 anos, que se defendeu do ataque de um pitbull mordendo o animal, pareceu surpreendente, a história de um garotinho de 9 meses é ainda mais incrível! Com os únicos três dentes que têm, o bebê matou com três mordidas uma cobra coral ‑ considerada por especialistas como uma das mais venenosas existentes no Brasil.

 

O animal, com cerca de 1 m de comprimento, teria atacado a criança, quando ela brincava no chão de casa, em uma fazenda na zona rural Pedro Leopoldo - MG, na região metropolitana da capital. Como também foi ferido na boca e na mão pela cobra, o bebê precisou ser encaminhado às pressas até um hospital. Ele está internado no Hospital Infantil João Paulo II, em Belo Horizonte, e passa bem. Ontem, a mãe dele, a dona de casa setelagoana Ana Cláudia Barbosa da Silva, de 20 anos, contou que, por pouco o filho não morreu, envenenado.

 

A médica Solange de Lourdes Silva Magalhães, plantonista setor de toxicologia do HPS João XXIII, a primeira a atender a criança, contou que o menino chegou ao hospital com quadro grave de intoxicação. Segundo a médica, o bebê apresentava secreção na boca e ainda sofreu uma parada respiratória por causa do veneno da cobra.

 

De acordo com especialistas a serpente foi levada para o laboratório do setor de toxicológico do HPS. Ela disse que o animal já chegou morto e apresentava algumas marcas de mordidas na cabeça o que, possivelmente, foi à causa da morte.  Segundo Solange, a cobra foi incluída em um banco de dados do HPS.

Ana Cláudia contou que o incidente aconteceu na quinta‑feira da semana passada. Ela disse que o bebê estava brincando com a irmã, de 4 anos, próximo de um fogão de lenha.. A dona dá casa lembra que estava em outro cômodo da casa quando ouviu os gritos da filha. Quando cheguei, a cobra estava toda enrolada no braço do meu filho e a cabeça entre os dentinhos. “Ele estava rindo e colocava e tirava a cobra da boca como se fosse um brinquedo”, afirmou a mulher, Com o filho no colo, a dona de casa disse que ela, o marido e os vizinhos correram para um hospital em busca de socorro.

 

 

Recuperação Surpreendente

 

Os médicos que atenderam o bebê se disseram surpresos com a rápida recuperação do menino, que em dois dias saiu do CTI e está internado no setor de enfemaria. Apesar de não ter a previsão de alta da criança a médica Solange Magalhães disse que a resposta do menino ao tratamento foi muito positiva. ‘Foi uma surpresa muito agradável, afirmou. De acordo com o coordenador médico do Centro de Toxicologia do HPS, e presidente da Sociedade Brasileira de Toxicologia, Délio Campolina, o veneno produzido por uma cobra adulta da espécie que atacou a criança tem capacidade de matar até mesmo um boi de meia tonelada. Ele afirmou que a letalidade, nesses casos, depende da quantidade de veneno injetado e da resistência da vítima.

 

“No caso deste menino, o fato de ele ter sido atendido rapidamente com um tratamento eficiente foi fundamental para que ele sobrevivesse”, explicou. Campolina afirmou que, em média, dois ataques de cobra coral são registrados por ano no HPS, o que representa apenas 1 % do total de casos.              

 

Aliviada com a recuperação do filho, Ana Claudia da Silva contou como foi o ataque do animal. Ela disse que o filho internado no Hospital Infantil João Paulo II, foi até apelidado de “o herói da cobra”, A mulher acredita que um milagre salvou o filho da morte. “Ele é xodó do hospital”. Médicos, plantonistas e um monte de gente foi lá para saber da história, contou.

Por: Raphael Ramos

Fonte: Super Notícia edição de 25/07/2008

publicado por Rosângela às 12:04
 O que é? |  O que é? | favorito

Sábado, 26 de Julho de 2008



por Abigail Linhares

Lendo um artigo do site http://sexxxchurch.com/ (um site evangélico que prega contra a pornografia de maneira criativa), resolvi também escrever sobre esse assunto que muitas vezes é um tabu e outras é uma banalidade.

Há algum tempo começamos a ouvir na mídia sobre uma tal de "mulher-melancia". Uma moça de apenas 20 anos que ficou famosa por suas enormes curvas e pela dança pornográfica que faz com a música "créu". A primeira vez que ouvi essa "música" fiquei boba em ouvir como a letra falava do sexo de maneira tão excrachada. E essa não é a primeira. Também já teve a música "adultério", "festa no apê", "um tapinha não dói", "tchan", entre outros.

É lamentável ver o rumo em que a nossa sociedade anda.  Como é que um zé ninguém faz apologia a algo tão sério e fora dos padrões de Deus e da família e acaba virando algo normal, cantado até pelas crianças?!

Por falar nelas, as meninas de 5, 7, 10 anos não têm mais infância. Usam calçados de salto alto, maguiagem, fazem a unha e o cabelo e se vestem com roupas de moda, assim como as mulheres adultas, mudando apenas o tamanho da peça. Se a mãe oferece um vestido rodado com laços e babados, não querem nem saber porque isso é coisa de "bebê".

Sexo não é mais mistério. É só prazer por prazer. Não existe amor, cumplicidade, respeito e respeito. Está uma vulgaridade geral. Os homens não respeitam as mulheres porque elas não se dão esse respeito. Fico com vergonha quando vejo na rua uma mulher com um decote enorme, uma saia minúscula ou uma calça transparente. Já ouvi diversas vezes as pessoas mais velhas dizerem que antigamente a mulher não podia mostrar nem o calcanhar que já era escandaloso. É claro que não precisamos passar para o outro extremo mas qual é o homem hoje em dia que se atrái por exemplo, por uma saia na altura dos joelhos ou com 3, 4 dedos acima dele? Passa despercebido porque ele está acostumado a ver muito mais que isso.

As mulheres estão literalmente se oferecendo. É até chato reconhecer isso porque também sou mulher, mas infelizmente essa é a verdade. É claro que não estou generalizando. Há exceções e graças a Deus eu estou nela. Mas mesmo não me vestindo da maneira citada, reparo muitas vezes o olhar dos homens para mim. É um olhar que parece dizer que eu sou um suculento pedaço de carne na vitrine do açougue pronto para ser escolhido e degustado. Que horror! Cadê o respeito?

Pela coisa estar assim tão solta, quando alguém é diferente, é admirado ou considerado um bobo quadrado. Quando defendo a virgindade até o casamento e falo firmemente contra o "ficar" os colegas no mínimo não acreditam que eu nunca tenha feito tais coisas. O pior é que isso também acontece dentro da igreja. Que pena! Jesus nos chamou para a pureza em todos os aspectos, inclusive na nossa vida sexual. Sexo não é algo errado, impuro. Foi Deus que o criou. Mas o criou única e exclusivamente para o casamento. Nem para antes, nem para fora dele.

Graças a Deus não tenho dificuldade em assumir esses princípios e convicções. Se simplesmente seguíssemos o que Deus tem para nós, evitaríamos tantas tristezas, doenças, crianças abandonadas, famílias e sociedade destruídas.

Bom, acho que misturei um pouco de tudo o que me veio à mente. Sei que a luta contra a carne é constante e não acaba nunca. Eu também luto e preciso melhorar muito. Mas Deus nos conhece e não nos julga. Ele está e sempre estará conosco. Ele nos entende porque já passou por tudo o que passamos.

Que no que depender de mim, a sociedade e o meu meio social seja puro e agradável aos olhos do Senhor. Nada de "melancias", "morangos", "samanbaias". Que não nos acostumemos com essa salada de frutas de satanás.

Fonte: Momentos

Veja: http://sexxxchurch.com/?p=209

publicado por Rosângela às 12:23
 O que é? |  O que é? | favorito

Sexta-feira, 25 de Julho de 2008

Senhor, tende piedade de Michael W. Smith (Amy Grant)

Jesus, I've forgotten the words that You have spoken

Jesus, eu me esquecei as palavras que tu falaste.
Promises that burned within my heart have now grown dim

Promessas que queimaram dentro do meu coração agora têm diminuido
With a doubting heart I follow the paths of earthly wisdom

Com um coração duvidoso eu sigo os caminhos da sabedoria terrena
Forgive me for my unbelief

Perdoe-me  a minha incredulidade
Renew the fire again

Renove o fogo novamente

Chorus
Lord have mercy

Senhor, tende piedade
Christ have mercy

Cristo, tende piedade
Lord have mercy on me

Senhor, tende piedade de mim


Repeat Repita

I have built an altar where I worship things of men

Elaborei um altar onde eu adoro coisas de homens
I have taken journeys that have drawn me far from You

Tomei viagens que me chamou para muito longe de  Você
Now I am returning to Your mercies ever flowing

Agora estou retornando a Sua mercê sempre flui
Pardon my transgressions

Pardoe minhas transgressões
Help me love You again

Ajude-me a amar novamente Você

Repeat Chorus Repita Côro

I have longed to know You and Your tender mercies

 Tenho de conhecer  Você e a sua misericórdia
Like a river of forgiveness ever flowing without end

Tal como um rio de perdão sempre  flui sem fim
I bow my heart before You in the goodness of Your presence

Eu prostro meu coração diante de você na bondade da sua presença
Your grace forever shining

Sua graça para sempre brilhando
Like a beacon in the night

Tal como um farol na noite

publicado por Rosângela às 20:59
 O que é? |  O que é? | favorito